NORONHA DA COSTA

Noronha da Costa (1942 -2020) nasceu em Lisboa. Fez o curso de arquitetura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa. Expôs individualmente pela primeira vez em 1962. Em Paris.
Em 1966 expôs no Salão de Maio, Bienal de S. Paulo e foi-lhe atribuído o Prémio Soquil pela sua atuação na época de 1968-69. Aos 27 anos de idade Noronha da Costa “reúne um consenso crítico e público muito alargado” no panorama artístico português. Noronha da Costa começou a dar os primeiros passos na pintura ainda muito jovem, recebendo aulas de Eduarda Lapa. Foi, porém, a meio do curso de Arquitectura, que frequentava na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa, que iniciou o seu percurso enquanto artista plástico. Noronha da Costa seria autor de um trabalho singular no contexto da pintura portuguesa. Em busca de uma perspectiva sensual das imagens. Noronha da Costa recria uma tridimensionalidade que desafiava a percepção do espectador através de molduras simuladas de motivos românticos.

A mostrar todos os 3 resultados